Bem vindo
Notice: Undefined index: usuarioNome in /home/omunici/public_html/view/topo.php on line 39

Sair


Esqueci minha senha






Política :: 2016-06-08 -18:59:00

Itaroti é absolvido em processo de cassação

Por um voto, prefeito consegue manter-se no cargo. Em menos de um ano, Celso Itaroti (PTB) consegue se livrar de uma cassação pela segunda vez

Da Redação


Itaroti comemora absolvição. (Foto: Gazeta de Vargem Grande)

O prefeito de Vargem Grande do Sul (SP), Celso Itaroti (PTB), foi absolvido, graças a um voto, das denúncias apresentadas pela Comissão Processante e julgadas pela Câmara Municipal, em sessão extraordinária realizada nesta terça-feira (7).

Para que a cassação ocorresse, eram necessários que nove, dos 13 vereadores, votassem a favor da perda de mandato. Itaroti conseguiu cinco votos contrários, deixando oito para a oposição. Sendo assim, escapando da cassação por um voto.

Em quase todas as denúncias, Itaroti teria tido o voto favorável [contrário a cassação] dos seguintes vereadores: Felipe Gadiani (PMDB), Fernando Corretor (PRB), Gilson Donizete do Lago (PMDB), Marco Cavalheiro (PSDB) e Pedro Ranzani (PSD).

Os edis que teriam votado a favor de cassar o mandato de Itaroti teriam sido: Alex Minelli (PRB), Toco (PPS), Rotta (PPS), Paulinho da Prefeitura (PSB), Márcia Iared (sem partido), Serginho da Farmácia (PSDB), Toninho Pierin (PDT) e Wilsinho Fermoselli (DEM).

O caso, que vinha sendo estudado pela Comissão Processante desde fevereiro deste ano, foi arquivado. Em menos de dois anos esta é a segunda vez que o prefeito consegue escapar de uma cassação na Câmara Municipal.

O outro caso havia sido julgado em outubro de 2015, quando, com o mesmo número de votos, cinco edis contrários a perde de mandato, o chefe do Executivo vargengrandense conseguiu se manter no cargo.

Mais detalhes você terá na edição impressa deste sábado (11).

Poltica