Bem vindo
Notice: Undefined index: usuarioNome in /home/omunici/public_html/view/topo.php on line 39

Sair


Esqueci minha senha






Artigos :: 2016-06-10 -18:36:00

Google, capítulo São João


                 

Retomando o assunto da semana passada, venho apresentar um exemplo de colaboração em ambientes inovadores, pedra angular na formação de um Polo de Tecnologia, que tem dado muito certo em nossa cidade: o GDG (Grupo de Desenvolvedores Google).

Não é necessário argumentar muito para sustentar a importância de termos em São João da Boa Vista um “Capítulo” do GDG. Mais que uma comunidade, trata-se de um grupo onde desenvolve-se softwares para um universo onde todos os usuários de computador ou smartphone convivem diariamente. Assim como Facebook e Microsoft, a empresa Google simultaneamente proporciona um espaço de colaboração entre usuários e cria uma simbiose entre entretenimento e inovação tecnológica. Por isso foi escolhido como primeiro projeto comum entre nossas instituições de ensino superior a tratarmos aqui.

Focando soluções para aplicativos do site mais acessado no mundo, como Google Earth, Google Maps e o sistema operacional Android, o grupo também é livre para desenvolver softwares de outras empresas. Há mais de um ano organiza eventos compartilhando conhecimento, novas ideias e soluções, contando com a participação de profissionais de Tecnologia da Informação de São João e região, além de professores e alunos da Unifeob, Unifae, Instituto Federal, e Unesp, pois o ambiente universitário por excelência é um dos maiores celeiros de inovação. Possui ainda a colaboração da Universidade Aberta do Brasil e Senac, e de outros apoiadores internacionais como a Oklahoma Christian University, dos EUA, através do Instituto Internacional de Idéias. Apesar de hoje discutirem projetos mundiais, o que é natural nesta área especialmente globalizada, pretendem num futuro próximo emplacar projetos locais.

O objetivo do Grupo é a construção de um ambiente de inovação agregando participantes de forma voluntária. O espírito de inclusão é uma tônica que fica clara em sua organização interna, como na existência do Women TechMakers. Nele procura, através de encontros apenas para mulheres ou aberto a todos, mas ministrados primordialmente por elas, ambientá-las no universo tão dominado por homens; nesse ponto a Unifae tem destaque, já que a principal colaboradora é uma mulher.

Se a tônica é a formação de um Polo de Tecnologia, este grupo deixa um recado muito claro: o envolvimento da sociedade começa por onde há motivações que vão além de questões de mercado. A comunidade precisa estar imersa voluntariamente neste processo em seu dia a dia, valendo a pena acompanhar o GDG e tê-los como inspiração. O próximo evento deles será na virada de junho para julho: vamos ficar atentos!

Mais informações no site http://www.gdgsaojoao.org/