Bem vindo
Notice: Undefined index: usuarioNome in /home/omunici/public_html/view/topo.php on line 39

Sair


Esqueci minha senha






Artigos :: 2016-04-20 -14:47:00

De soberano a subalterno


(Foto: vejasp.abril.com.br)

 

O São Paulo é reconhecidamente um dos maiores clubes do Brasil e da América do Sul. Durante alguns anos ostentou o título de “soberano”, dado pela própria torcida tricolor. O time foi em sequência, de 2005 a 2008, tri campeão brasileiro, campeão da copa libertadores e campeão mundial. As glórias tricolores param por aí. De 2008 até agora, 2016, o São Paulo tem apenas um título, isso mesmo, UM – a copa sul-americana de 2012.

Além de não conquistar títulos, o antes, soberano, agora passou a ser colecionador de vexames. Teve derrotas humilhantes para times chamados pequenos, tais como São Caetano (4x1), Ponte Preta (3x1), Avaí (3x1), Bragantino (3x1) e mais recentemente, foi derrotado pelo modesto The Strongest, da Bolívia, no Pacaembu. Embora não tenha sido uma goleada, apenas 1x0, o time boliviano não vencia uma partida fora de casa há nada mais, nada menos, que 32 anos e 4x1 para o Osasco Audax, pelo paulistão, fazendo com o que o tricolor fosse o único dos considerados grandes, que não se classificou para as semifinais do Campeonato Paulista, 2016.

Vamos mais além, em lembrar que além de times menores, o tricolor foi goleado por todos os seus maiores rivais. 4x0 para o Palmeiras, 3x0 para o Santos, e o histórico 6x1 para o Corinthians; todas essas derrotas foram só em 2015.

Claro que houveram vitórias importantes nesse tempo, mas de jogos. Não de campeonatos, pois sempre que chega a uma fase decisiva de algum campeonato, o time acaba derrotado.

Fora de campo, também, o São Paulo virou uma bagunça, com brigas entre diretores, acusações gravíssimas ao ex presidente, até vias de fato, chegaram a ocorrer. Antes, uma referência e modelo a ser seguido, como gestão, hoje, certamente, é o time pior administrado no Estado de SP.

O que está acontecendo com o “Soberano”? O São Paulo tem que voltar a ser realmente grande, pois um time que só vive de sua história, chega um momento, que a história fica esquecida e deixa de ser grande. A história de um time grande tem que ser construída dia a dia, conquistando. Enquanto o São Paulo se vangloria do passado, Corinthians, Santos e Palmeiras se tornaram soberanos e o São Paulo, subalterno.